terça-feira, 26 de maio de 2015

Você não é um unicórnio, você é um rinoceronte.

Ser um rinoceronte não é tão ruim como você está pensando.
Por muito tempo eu quis ser um unicórnio, mas eu sempre fui um rinoceronte. Eu lia coisas de unicórnio, eu comia coisas de unicórnio, queria vestir roupas que os unicórnios vestiam e, o pior de tudo, me inspirava em um unicórnio. 
Muitos me apoiavam para ser um unicórnio, outros falavam que eu era legal sendo um rinoceronte, porém o bom mesmo era eu ser um rinoceronte melhor.
Sei que essa analogia está confusa, mas o que eu quero passar nesse texto é que nós devemos mirar nos alvos certos. É muito bom sonhar, mas existem sonhos que reprimem a gente e impedem o nosso crescimento.
Quando eu me aceitei rinoceronte tudo mudou. Eu parei de querer ser um unicórnio para agradar os outros e comecei a ser um rinoceronte. Os unicórnios são bonitos, mas eu nasci rinoceronte. Então, passei a ler coisas de rinoceronte e a me inspirar no melhor rinoceronte que existe. Comecei a usar roupas que valorizavam meu corpo de rinoceronte e a andar com pessoas que me aceitavam como um rinoceronte mesmo. 
Sei que todos os dias eu posso melhorar minha versão rinoceronesca, mas agora estou ciente que nunca serei um unicórnio, e não choro por causa disso.
Pensa comigo: um mundo só de unicórnios não seria tão legal. 
Você pode ser um unicórnio, um rinoceronte, uma girafa ou um boto-cor-de-rosa, porém o segredo está em saber quem você é, criar o alvo e, então, atirar no centro. 

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada, Mila. Fico feliz em saber que adorou meu texto. Beijos!

      Excluir
  2. ���������� adorei

    ResponderExcluir
  3. Eu também já me aceitei a tanto tempo, mas fico triste de ver quem não se aceita. Mas mesmo assim, eu não dou opinião, cada um tem que escolher e não ser influenciado pelos outros. Fico triste do meu irmão que era uma Leão e quer ser um Gorila(Unicórnio no seu exemplo).

    ResponderExcluir